Idoso sofre com fake news dizendo que espancou e matou um cachorro

A neta dele o ajudou a registrar um boletim de ocorrência por calúnia e difamação

Foto: Imagem ilustrativa/Reprodução/Jornal Desafio

Um idoso de 83 anos passou por uma situação constrangedora na cidade de Água Boa (740 km de Cuiabá) nessa semana. Ele teve seu nome vinculado a uma notícia falsa que dizia que ele havia espancado e matado um cachorro – e a calúnia se espalhou pela cidade.

A neta do idoso procurou a delegacia com ele na quarta-feira (14) e contou que um site de notícias publicou nas redes sociais uma reportagem dizendo que seu avô havia espancado e matado um cachorro, utilizando uma faca.

A notícia se espalhou pela cidade e viralizou nas redes sociais, fazendo com que a Polícia Militar fosse até a casa do idoso confirmar se o crime realmente havia acontecido.

Na residência, no Bairro Cristalino, em Água Boa, os policiais constataram que a notícia publicada pelo site era falsa e que, com o conteúdo viralizado, o idoso havia sido vítima de calúnia e difamação.

Os militares orientaram o idoso a procurar a polícia e a registrar um boletim e ele assim o fez, denunciando o site e o repórter responsável pela matéria.

Leia também

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorIrmãos vão para escola com hematomas e professora aciona Conselho Tutelar
Próximo artigoIndústria deve voltar a crescer no segundo semestre, diz presidente da Fiemt