Em manifestação, MTST invade sede da Bolsa de Valores em São Paulo

De acordo com os líderes do movimento, a manifestação é devido ao aumento do desemprego no país

(Foto: Reprodução)

O Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) invadiu nesta quinta-feira a sede da Bolsa de Valores, na capital paulista. O ato se iniciou no começo da tarde desta quinta-feira (23), no interior do prédio.

De acordo com os organizadores da manifestação, o ato acontece em resposta ao “desemprego e a inflação alta” no país, que foram causados pela pandemia e pelas medidas de isolamento social.

Os organizadores do ato tentaram justificar a invasão ao local afirmando que as ações das grandes empresas estavam em alta até meados deste ano, enquanto a economia popular teria diminuído.

Apoio a lideranças de esquerda

Na manifestação é possível ver bandeiras fazendo menções a medidas socialistas e pedidos de impeachment contra o presidente Jair Bolsonaro.

O movimento MTST ainda é capitaneado pelo socialistas Guilhermo Boulos (PSOL), um dos maiores apoiadores do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMinistro visita três cidades em MT
Próximo artigoSigla criada a partir da fusão entre DEM e PSL deve ser comandada pelos democratas em MT