Datafolha: Bolsonaro tem 40% dos votos válidos ante 25% de Haddad

No segundo turno, Bolsonaro aparece numericamente a frente do petista

(Foto: Montagem/O Livre)

O deputado federal Jair Messias Bolsonaro voltou a crescer na pesquisa Datafolha para as eleições presidenciais. A pesquisa, divulgada na noite deste sábado ​(6), mostra Bolsonaro com 40% das intenções de votos. Em segundo lugar, Fernando Haddad (PT) apareceu com 25%.

Em terceiro está Ciro Gomes (PDT), com 15% das intenções de votos válidos, seguido por Geraldo Alckmin (PSDB), com 8%. Marina Silva (Rede) tem 3%. João Amoedo (Novo) tem 3%; Álvaro Dias (Podemos), 2%; Henrique Meirelles (MDB), 2%; Guilherme Boulos (PSOL), 1%; Cabo Daciolo, 1%; João Goulart Filho (PPL), Vera Lucia (PSTU) e Eymael (PSDC) não pontuaram.

A contabilidade dos votos válidos é feita sem votos em branco ou nulos e os indecisos.

No volume total de votos, inclusos os brancos e nulos, Jair Bolsonaro tem 36%. Fernando Haddad, 22%; Ciro Gomes, 13%; Geraldo Alckmin, 7%; Marina Silva, 3%; João Amoêdo, 3%; Álvaro Dias, 2%; Henrique Meirelles, 2%; Cabo Daciolo, 1%; Guilherme Boulos, 1%; brancos e nulos 6%. Vera Lucia, Eymael e João Goulart Filho não pontuaram.

Segundo Turno

O instituto também mediu os cenários de segundo turno. Na disputa mais provável, entre Jair Bolsonaro e Fernando Haddad, o capitão reformado sai na frente com 45% a 43%. Os candidatos estão tecnicamente empatados.

Se o adversário se Bolsonaro for Ciro Gomes, porém, o cenário se inverte. Ciro teria 47% ante 43% do capitão reformado. Contra Alckmin Bolsonaro venceria de 43% a 41%.

Rejeição

Quando questionados sobre qual candidato eles não votariam de jeito nenhum, 44% mencionaram o nome de Jair Bolsonaro. Na sequência aparece Fernando Haddad, 41%, Ciro Gomes, 21% e Geraldo Alckmin, 24%.

Esta foi a última pesquisa Datafolha deste pleito. Foram ouvidas 19.552 pessoas entre os dias 5 e 6. O levantamento foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral com o número BR-01584/2018. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. A pesquisa foi contratada pela Folha e TV Globo.

 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

1 COMENTÁRIO

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPantanal Shopping realiza exposição sobre projetos de sustentabilidade
Próximo artigoInflação para mais pobres avança em setembro, segundo FGV