Companhia cacerense apresenta espetáculo “Retirante Asa Branca” em Cuiabá

No sábado (29), a companhia se une a artistas locais em "combinado cultural" na Praça da Mandioca

O grupo Teatro Plenilúnio, de Cáceres, se une a artistas de Cuiabá e apresenta “Retirante Asa Branca” neste fim de semana. A apresentação solo do ator Ismael Diniz sobre a luta sertaneja chega à Sala Anderson Flores, no Cine Teatro Cuiabá, neste sábado e domingo (29 e 30), às 19h30.

Os ingressos estão à venda na bilheteria do Cine Teatro por R$ 20 e R$ 10 (meia entrada).

A sessão de sábado (29) integra um “combinado cultural”, que segue para a Praça da Mandioca. É que a noite reúne Theatro Fúria e Coletivo Coma a Fronteira, que apresentam a performance “A Justiça do Poderes a Mim Conferidos”, às 22h, e o trio musical Pedro e os Cuiababies.

Pedro Oleare, Daniel Baier e Augusto Krebs percorrem a música brasileira com muito improviso e batuque, jazz e funk, a partir das 23h, no Leviana Bar. A entrada para o show custará R$ 5.

Com cinco anos de existência, o Teatro Plenilúnio está sediado atualmente na Apae de Cáceres, que apoia e incentiva o grupo logisticamente. A companhia desenvolve ações de estudo e montagem de produtos culturais na área das artes cênicas que resultam em peças, performances e oficinas de teatro gratuitas para a população.

Retirante Asa Branca

“Retirante Asa Branca” mostra o percurso dos sertanejos em tempo de terra seca. Através do corpo, o performer constrói a narrativa de luta de retirantes e suas tentativas de mudança e peregrinação pelo país. O pássaro, símbolo do sertão imortalizado por Luiz Gonzaga, entra em cena como a esperança de um futuro melhor.

O espetáculo foi vencedor do 1° Festival de Cenas Curtas do IFMT e destaque pela trilha sonora, figurino, ator performer, direção e melhor espetáculo no XII Festival de Teatro Velha Joana.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMãe é denunciada após filhas de cinco e sete anos relatarem maus-tratos
Próximo artigoIncentivos fiscais na AL