Avó denuncia nora após ela dizer que bebê tem medo do pai por ele ter cabelo crespo

Ela denunciou a nora por injúria mediante preconceito

(Foto: Joca Duarte/Creative Commons-Arq. ABr)

A mãe de um jovem de 18 anos resolveu denunciar a nora por injúria racial nessa quarta-feira (20), após ela impedir a filha do casal de ficar com o pai e usar como justificativa que a filha dos dois, que ainda é bebê, teria medo do pai por ele ter o cabelo crespo.

Segundo a avó paterna da bebê, moradora de Cuiabá, ela tem tentado manter um bom relacionamento com a nora, que por sua vez estaria sempre cometendo injúrias raciais contra ela e o filho.

Como exemplo, ela citou que nessa quarta-feira (20) a jovem impediu o pai da bebê de ficar com a menina dizendo por WhatsApp que era por causa da amamentação e porque a menina teria medo do pai por causa do cabelo dele, que é crespo.

Ainda conforme relato da avó, essa não é a primeira vez que a jovem se refere ao pai da bebê com preconceito racial e, por isso, ela resolveu denunciá-la.

O caso foi registrado como injúria mediante preconceito e será investigado pela Polícia Civil.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorZé da Pipa é furtado durante a madrugada em Cuiabá
Próximo artigoGoverno de MT intenciona comprar imunizante da chinesa Sinopharm