Vice de Julier é barrada

Justiça Eleitoral negou registro de candidatura a Vera Bertolini por irregularidade na filiação partidária

(Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal/Facebook)

A Justiça Eleitoral barrou a candidatura da professora Vera Bertolini por irregularidade na filiação ao Partido dos Trabalhadores (PT). A decisão deixa o ex-juiz federal Julier Sebastião sem um nome a vice na concorrência à Prefeitura de Cuiabá. 

O registro foi negado pela juíza Gabriela Carina Knaul de Albuquerque e Silva. A magistrada disse que o documento de filiação partidária não consta no protocolo da Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT). 

A pré-candidata foi convocada para esclarecer o assunto, mas não compareceu no prazo estipulado. A legislação eleitoral brasileira estipula a filiação ocorra até seis meses antes do pleito, que neste ano caiu em 15 de maio. 

O PT deverá apresentar um novo nome para a candidatura de vice-prefeito. 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorQual a opinião do resto do mundo sobre a vacina chinesa contra a covid-19?
Próximo artigoJuíza diz que PT não cumpriu cota feminina em Cuiabá e cassa chapa de vereadores