Sem improbidade

TJ livra ex-prefeito de Rondonópolis de acusação de favorecimento a empresas de familiares

(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre)

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso absolveu o ex-prefeito de Rondonópolis (225 km ao Sul de Cuiabá), Adilton Sachetti, da acusação de favorecer empresas de sua família enquanto exerceu o mandato.

A ação civil pública por improbidade administrativa ajuizada pelo Ministério Público Estadual (MPE) já havia sido julgada improcedente em primeira instância.

Agora, a Primeira Câmara de Direito Público e Coletivo manteve irretocável a sentença.

Participaram do julgamento o desembargador Márcio Vidal e as desembargadoras Maria Erotides Kneip e Helena Maria Bezerra Ramos. O teor da decisão foi publicado na terça-feira (22) no Diário da Justiça.

O Ministério Público sustentava que Sachetti teria alienado imóveis públicos localizados no Distrito Industrial de Rondonópolis às empresas ligadas à sua família. Entretanto, o Judiciário entendeu que não havia provas suficientes para condenação.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCearense planta 500 pés de girassóis para mostrar o quanto ama a namorada
Próximo artigoSem home office