Pai e madrasta são acusados de espancar filhos com socos, mangueira e cinto

Meninos pediram ajuda para uma vizinha, que acionou o Conselho Tutelar

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Um pai de 59 anos e uma madrasta de 24 estão sendo acusados pelo Conselho Tutelar de maltratar e espancar os filhos do homem – enteados da mulher -, dois meninos de 12 e 16 anos.

A família mora no Distrito de Ana Terra, em Tapurah (430 km de Cuiabá) e quem acionou o Conselho Tutelar, dessa vez, foi uma vizinha, após receber o pedido de ajuda dos dois meninos.

O Conselho Tutelar, porém, já vinha acompanhando o caso da família há cerca de um ano e, assim que acionado, duas conselheiras foram até o distrito e encontraram os meninos na casa da vizinha.

Segundo a denúncia, o pai e a madrasta dos meninos os agridem, por motivos fúteis, com socos, tapas, pedaços de madeira, mangueira de água e cinto.

A mãe dos garotos mora em Praia Grande (SP) e os dois querem voltar a morar com ela.

O caso foi registrado como maus-tratos, será investigado pela Polícia Civil e continuará sendo acompanhado pelo Conselho Tutelar.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorBolsonaro em MT
Próximo artigoRisco baixo para a maioria