|Quinta-feira, 17 Janeiro 2019
Foto: Marcello Casal Jr./Arquivo/Agência Brasil

Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro

Foram desligados 1,5 milhão de linhas, e o total foi 0,65% menor do que o do mês anterior

COMPARTILHECOMPARTILHE

O número de linhas de celular caiu no Brasil em novembro, ficando em 231,8 milhões. Em novembro, foram desligados 1,5 milhão de linhas, e o total foi 0,65% menor do que o do mês anterior. Os dados foram divulgados pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e trazem o balanço consolidado mais atualizado do serviço móvel pessoal, nome técnico dado à telefonia celular.

Foi a maior queda do ano. Nos últimos meses, o encerramento de linhas havia totalizado 0,9 milhão em outubro; 0,1 milhão em setembro;, 0,4 milhão em agosto e 0,3 milhão em julho. Nos 12 meses anteriores a novembro, a perda acumulada foi de 3%. A soma de linhas desligadas chegou a 7,2 milhões.

Segundo o gerente de Universalização da Anatel, Eduardo Jacomassi, essa redução, que já vem de cerca de três anos, ocorreu devido a uma mudança de regulamentação do órgão, que reduziu o custo das ligações entre operadoras diferentes.

“Durante algum tempo era muito caro ligar para outra operadora. Então as pessoas tinham vários chips. Conforme a regulamentação mudou, pessoas que tinham mais de um acesso começaram a desligar e isso se refletiu na quantidade total”, explicou Jacomassi à Agência Brasil.

Do total de novembro, 57,5% dos acessos eram pré-pagos, cerca de 133,3 milhões. Já os pós-pagos representaram 42,5%, ultrapassando os 98 milhões. Entre outubro e novembro, os pacotes pré-pagos diminuíram 2,9 milhões, enquanto os pós-pagos subiram 1,4 milhões.

Em 2015, os acessos pré-pagos ultrapassavam o índice de 70% da base móvel. Desde então, essa proporção vem caindo em favor dos contratos pós-pagos, que já passaram dos 40%. De acordo com Jacomassi, o avanço do pós-pago está ligado ao fato de que esses planos terem melhores condições em relação aos dados. “Pessoas têm desejado acesso à web, e melhores condições estão ali, incluindo os planos controle”, disse.

Mercado

Na divisão de mercado, a Vivo fechou novembro como maior operadora móvel e totalizou 73,6 milhões de linhas. Esse número não necessariamente é equivalente ao de clientes, já que uma pessoa pode ter mais de uma linha.

A Claro ficou em segundo lugar, com 58,8 milhões de linhas. A TIM veio em seguida, com 56 milhões de acessos. E, em quarto, a Oi fechou o mês com 37,4 milhões.

Estados

Algumas unidades de Federação registraram aumento de linhas móveis em novembro. Foi o caso de Roraima (6,57%); Amapá (4%); Amazonas (3,4%); Espírito Santo (0,6%) e São Paulo (0,5%).

Em termos de distribuição da base móvel, São Paulo responde por 27% do mercado no país, com 62,9 milhões de linhas em funcionamento. Em seguida vêm Minas Gerais, com 21,8 milhões (9,4%), e Rio de Janeiro, com 19,8 milhões (8,56%).

Linhas fixas

As linhas fixas também caíram em novembro, com menos 141 mil acessos. No total, o mês fechou com 38,6 milhões de linhas. A queda foi menor do que a do mês anterior, outubro, quando o encerramento de contratos de telefonia fixa totalizou 201 mil em todo o país.

Diferentemente dos celulares, a redução das linhas fixas em novembro foi a menor do ano. Em outros meses, o fechamento de linhas fixas já havia sido maior. Somente em janeiro, a base perdeu 478 mil acessos.

Deixe um comentário

Please enter your name here
Please enter your comment!

LINKS PATROCINADOS

DESTAQUES

Bairro Cuiabá História Municípios Policia
Enã, jovem autista se forma em medicina e se emociona com homenagem inesperada. Veja!
Comportamento inadequado pode fazer Hya responder por homicídio, diz delegado
Rede de hotéis oferece diárias a partir de R$ 99,90 em Cuiabá
Assembléia Legislativa Câmara Municipal Eleições 2018 Governo Judiciário Partidos Prefeitura
Em meio a protesto e gás de pimenta, deputados aprovam restrição da RGA e novo Fethab
Com aval de Paulo Guedes, governador de Mato Grosso decreta calamidade financeira
Em Brasília, Mauro cobra FEX e anuncia decreto de calamidade financeira em MT
Agricultura Agropecuária Economia Agrícola Indicadores Agrícolas Pecuária Tecnologia Agrícola
Comercialização da safra 17/18 do algodão mato-grossense entra na reta final
IBGE: PIB dos municípios do agronegócio tem crescimento médio de 13,65% em MT
Brasil vai exportar material genético bovino e bubalino para o Suriname
Artes Cênicas Artes Plásticas Artesanato Cinema Comportamento Cultura Popular Gastronomia LIteratura Música
Produtores de Family Guy dizem que piadas sobre homossexuais estão sendo boicotadas
Museu de Arte Sacra reabre as portas e convoca fotógrafos para exposição coletiva
Prefeitura convoca interessados em participar de projeto de celebração dos 300 anos
Corrupção Economia Eleições Estados Política
Tarifas de embarque em aeroportos terão aumento de 5,39%
Macri: viagem ao Brasil é começo de salto para a frente no Mercosul
Bolsonaro defende Mercosul enxuto e com relevância
Concurso Dicas Estágio Vagas de Emprego no Mato Grosso
Rede de hotéis oferece diárias a partir de R$ 99,90 em Cuiabá
Sine-Cuiabá tem 79 vagas e salários de até R$ 2.300 esta semana; confira
Sine em Mato Grosso oferece mais de 1,4 mil ofertas de emprego
X