Natal com Cristo: conheça o projeto que resgata almas e alimenta os pobres

Ideia surgiu na Igreja de São Benedito há 10 anos e leva um pouco de conforto a pessoas carentes neste dia

Capela São Benedito, no bairro Boa Esperança, em Cuiabá (Foto: Luiz Felipe Costa)

Um som de motosserra cortava o silêncio das 23h ao redor da Capela São Benedito, no bairro Boa Esperança, em Cuiabá, na noite de 23 de dezembro. Não estava incomodando os moradores, segundo a própria Polícia Militar, mas era simplesmente curioso.

O LIVRE, então, adentrou o pátio da Capela São Benedito e foi muito bem recebido pelo recém-ordenado Padre Daniel Bezerra. Descobriu-se que o barulho vinha dali. Um grupo preparava a lenha para acender um fogo que ia assar centenas de frangos. O alimento seria doado a famílias carentes nos arredores da cidade.

Essa ação social se chama Natal com Cristo e vem ocorrendo há uma década.

Membro da Natal com Cristo cortando lenha, demonstrando o zelo do grupo por esse trabalho social (Foto: Luiz Felipe Costa)

O começo de tudo

A ideia surgiu de um casal frequentador das Missas diárias na Paróquia São José Operário, em Cuiabá. Donaldo e Vânia Bezerra começaram essa ação em 2012 nessa mesma Paróquia, mas partiram para a Bom Despacho, no Centro.

Devido à localização, mais pessoas passaram a conhecer esse trabalho social. Por isso, o Natal com Cristo crescer e tomou formato arquidiocesano, com várias paróquias e várias pessoas envolvidas.

Segundo Donaldo Bezerra, 12 grupos, cada um com seu coordenador, cadastram famílias em situação de extrema pobreza que vivem na periferia de Cuiabá. Essas pessoas carentes recebem as fartas marmitas da Natal com Cristo na manhã do dia 24 de dezembro.

O idealizador Donaldo Bezerra (segundo da direita para a esquerda, com crucifixo no pescoço e tendo São José estampado na camiseta) e seu grupo da Natal Com Cristo (Imagem fornecida por Donaldo Bezerra)

As atividades da Natal com Cristo

Os envolvidos na Natal com Cristo começam o trabalho no dia 23, por volta das 11h da manhã. Preparam, por exemplo, os materiais e os temperos do frango e organizam o que é necessário para a preparação dos alimentos.

O fogo é, então, aceso às 21h do mesmo dia. Os primeiros frangos, todos já espetados, são levados à brasa. A madrugada toda é preenchida pelo saboroso odor dos assados, cuidadosamente vigiados pelos ajudantes do projeto social.

Os frangos são assados e, depois, destinados a famílias carentes (Foto: Luiz Felipe Costa)

Na manhã do dia 24 os frangos assados se juntam a outros alimentos e as marmitas são preparadas. Às 11h, os grupos levam esse almoço completo às famílias carentes cadastradas na Natal com Cristo, encerrando, assim, as atividades do projeto.

Resgatar almas

Na entrega dos alimentos, os grupos fazem oração e levam a Palavra de Jesus Cristo a essas pessoas em situação de extrema pobreza. Inclusive, o Padre Daniel Bezerra, filho de Donaldo e Vânia, faz parte do projeto e acompanha tudo de perto.

O filho de Donaldo Bezerra, Padre Daniel Bezerra, ordenado no último dia 12 de dezembro, ajudando a colocar os frangos no fogo (Foto: Luiz Felipe Costa)

O objetivo principal do projeto é levar essas pessoas ao Céu. O alimento material é importante, mas levar o alimento espiritual é o que está no coração de todas as pessoas que participam da Natal com Cristo.

“A comida é a forma de chegar às famílias, mas o nosso objetivo são as almas delas”, disse Donaldo Bezerra.

Em 2021 a Natal com Cristo esteve em sua 10ª edição e continuará crescendo, se depender dos idealizadores, católicos que não titubeiam em sua fé em Jesus Cristo.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPolícia Rodoviária aplica mais de 15 mil testes do bafômetro no Natal
Próximo artigoPapai Noel entrega presentes e cachorro-quente a famílias e moradores de rua de Cuiabá