Estratégias Para Um Novo Mundo

A pandemia tem modificado a forma como comunicamos alguma coisa e também a forma como consumimos. Desde a comunicação visual de um ambiente até a comunicação online, tudo tem passado por constantes mudanças – e, não é apenas a questão epidemiológica que tem alterado a ordem do dia no que diz respeito a como as coisas são no universo digital.

Entraves políticos, propagação de fake News e alteração da leitura e segurança de dados em redes sociais tem sido pautas recorrentes – mas isso é assunto para um outro dia. Hoje vamos falar aqui sobre estratégias para um novo mundo!

Em uma recente pesquisa do Google sobre comportamento do Coronavírus e  seus impactos de Mídia, é possível perceber que 70% dos consumidores pretendiam aumentar suas compras online – o que é possível constatar por meio das constantes paralizações que ocorrem em prol dos entregadores e também dos memes que surgiram referentes a uma suposta economia que o consumidor poderia ter nesse período em casa.

Manifestações pelo próximo já dão o indicativo que as marcas, apesar de terem que atuar cada vez mais online, precisam, antes de mais nada, ter um foco nas pessoas e em como ajudar as pessoas. E como isso é possível?

O Google disponibilizou alguns princípios e ações que podem ser seguidos para atingir este objetivo:

– Orientação global, decisão local;

– Reavaliação de canais e peças criativas;

– Obtenha o criativo certo;

– Continuidade e valor;

– Usar todas as oportunidades para ajudar!

Então, o que podemos tirar disso?

Antes de mais nada, as marcas precisam ter ações que visem o próximo: parte da renda revertida para x local, produção de x produto para doação, etc. Em um momento como este é preciso ir além das vendas e perceber qual o impacto que você quer que seu negócio tenha no dia a dia das pessoas enquanto marca. Reforce seu brand e qual o relacionamento que você quer ter com o público.

O que nos leva também a verificar o que é importante para o seu público neste momento? Readequação de preços? Flexibilização de dívidas? Como você pode ajudar quem já está contigo e quem ainda vai chegar? O Nubank por exemplo tem tido ações que visam facilitar a vida dos seus usuários com um auxílio saúde, apoio emocional, transferência de datas de pagamento, alimentação, etc.

E, estamos em um período que o olhar para o próximo não se refere apenas o próximo consumidor, mas também o próximo pequenos negócios. Diante disso, muitas marcas tem lançado projetos que abraçam pequenos empreendedores e pequenos negócios para que possam se manter neste período – um dos maiores exemplos é a Magazine Luiza, que além de deixar em casa seus colaboradores e fortalecer o e-commerce, também lançou o Parceiro Magalu, uma plataforma digital que disponibiliza espaço gratuito para pequenas empresas venderem seus produtos.

É preciso readaptar o negócio para os novos tempos e entender como é possível trabalhar com um público que por muito tempo evitará sair de casa para algo além das necessidades básicas – e as vezes nem para isso, uma vez que supermercados e farmácias possuem a opção de delivery e diversos dispositivos de entrega tem oferecido até mesmo a opção de entrega “sem contato”, levando em conta uma preocupação dos usuários.

É preciso também ter um olhar para além dos grupos que podem trabalhar em casa – esse é um diferencial e tanto, uma vez que sabemos que só está em casa quem de fato pode, mas, e os demais que precisam se locomover? Como alcançá-los neste momento e como ajudá-los?

É o momento de mudar a mentalidade – e ainda dá tempo de mudar o tom caso sua empresa ainda não tenha embarcado nessa onda. Reveja pontos e mostre aos consumidores diferentes maneiras do valor real de sua marca. Isso fará a diferença não apenas para agora, mas para sua sobrevivência futura.

 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorOnda de frio histórica no Brasil terá vendavais, tempestades e geada
Próximo artigoCalendário indefinido