Escola sem eleição

Prefeituras estão sendo orientadas a suspender eleições nas escolas

Presidente da AMM, Neurilan Fraga pediu que prefeituras se abstenham de eleições (Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Os municípios de Mato Grosso estão sendo orientados a não realizarem as eleições para escolha dos diretores de escolas públicas.

Um ofício da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), enviado na segunda-feira (25), alerta os prefeitos.

A suspensão foi adotada depois que o Supremo Tribunal Federal (STF), no dia 5 de novembro, confirmou a inconstitucionalidade na lei que determinava as eleições.

Pelo entendimento dos ministros, os cargos de diretor são de confiança e, portanto, cabe aos prefeitos designá-los.

No caso das escolas estaduais, os responsáveis serão indicados pelo governador Mauro Mendes (DEM).

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorTSE adia decisão sobre assinatura eletrônica para criação de novos partidos
Próximo artigoReforma administrativa do governo Bolsonaro fica para 2020