|Terça-feira, 22 Janeiro 2019

A PROPÓSITO

A PROPÓSITO

(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre)

Catarata no Fantástico

Denúncia contra a Caravana da Transformação deve ser destaque no Fantástico

COMPARTILHECOMPARTILHE

A denúncia da suposta realização de cirurgias “fantasmas” durante a Caravana da Transformação, programa do Governo do Estado, que resultou na deflagração da Operação Catarata, deve ser destaque no Fantástico, da Rede Globo, no próximo domingo (11).

Derrotado na corrida pela reeleição e alvo de duas delações por suposto envolvimento em esquemas de corrupção, das quais uma teve o sigilo derrubado recentemente, agora o governador Pedro Taques (PSDB) pode ser, novamente, “detonado” em cadeia nacional.

A chamada do Fantástico para a reportagem diz: “Olha essa fraude, um mutirão para operar gente com catarata, R$ 48 milhões de verba do governo. A empresa responsável pelos serviços prestou as contas e aí embaçou tudo, porque a cura muita gente não viu”.

Curiosamente, a repercussão nacional de um suposto esquema de corrupção em seu governo, mais uma vez tem como um dos protagonistas, do outro lado das investigações, o promotor de Justiça Mauro Zaque.

A Operação Catarata foi deflagrada pelo Ministério Público do Estado, por meio do Núcleo de Defesa do Patrimônio Público de Cuiabá, em setembro deste ano, por suspeita de que o governo pagou à empresa 20/20 Serviços Médicos S/S por cirurgias oftalmológicas não realizadas.

O outro caso que repercutiu em rede nacional foi o das interceptações telefônicas clandestinas, conhecido como “grampolândia pantaneira”. O esquema de foi denunciado por Zaque à Procuradoria Geral da República (PGR), a quem afirmou que o governo tinha conhecimento das escutas ilegais instaladas em Mato Grosso.

Zaque procurou a PRG em janeiro de 2017, depois de ter alertado o governador Pedro Taques. O escândalo veio à tona após uma reportagem também veiculada pelo Fantástico, em maio daquele ano, na qual o promotor reafirmou as denúncias.

O caso resultou em 13 pessoas presas, quatro secretários exonerados e dez inquéritos criminais. O possível envolvimento do governador Pedro Taques (PSDB) está nas mãos do Superior Tribunal de Justiça (STJ). O governador nega todas as acusações.

Veja a chamada do Fantástico para reportagem: 

Deixe um comentário

Please enter your name here
Please enter your comment!

LINKS PATROCINADOS

DESTAQUES

Bairro Cuiabá História Municípios Policia
Advogada ajuda e família consegue descarte de feto; laboratório doou o serviço
Estudantes de Várzea Grande devem fazer o recadastramento para uso do cartão escolar
Homem agride esposa por causa de torneira aberta, tem convulsão na viatura e ameaça policiais
Assembléia Legislativa Câmara Municipal Eleições 2018 Governo Judiciário Partidos Prefeitura
Mesmo com plenário invadido, deputados votam projetos nesta terça
Facão no Estado: governador exonera 96 comissionados, mas nomeia 93; veja listas
Janaina é recebida aos gritos de “governadora” e tenta marcar reunião
Agricultura Agropecuária Economia Agrícola Indicadores Agrícolas Pecuária Tecnologia Agrícola
Milho mato-grossense tem participação de 72% do total exportado pelo Brasil em 2018
Nelore MT afirma que o setor pecuário não suporta novas taxações
Gosta de uva? Governo reajustou preço mínimo da fruta em 11,96%
Artes Cênicas Artes Plásticas Artesanato Cinema Comportamento Cultura Popular Gastronomia LIteratura Música
Hermanoteu na Terra de Godah vai virar filme e estreia em dezembro
Marvel permite que paciente terminal assista novo filme dos Vingadores antes da estréia
Atriz de Bebel de A Grande Família afirma que série brasileira é melhor que Friends
Corrupção Economia Eleições Estados Política
Meninas são autoras de 42 das 55 melhores redações do Enem
BNDES aprova programa de financiamento coletivo para área da cultura
Linhão de Belo Monte volta a funcionar
Concurso Dicas Estágio Vagas de Emprego no Mato Grosso
Sine oferece mais de 1.177 oportunidades de trabalho em MT
Em busca de novas oportunidades? Confira 14 concursos públicos abertos
Topa encarar desafios e busca oportunidade de emprego? Tem vaga na Stone Cuiabá
X