Bandidos assaltam empresa, mas não conseguem fugir porque não sabiam usar câmbio automático

Criminosos acabaram pegos quando tentavam ligar caminhonete no local do crime

Foto: Divulgação/PMMT

Dois homens foram presos na manhã desta segunda-feira (20) depois de se atrapalharem no momento da fuga de um assalto: eles não conseguiram levar a caminhonete que tentavam roubar, porque nenhum dos dois sabia dirigir um carro com câmbio automático.

O caso inusitado aconteceu no estacionamento da empresa União Manutenção, no bairro Jardim Glória 1, em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá.

Segundo a polícia, era por volta das 7h20 quando dois homens, identificados como Luiz Carlos Cavalcante e Jefferson Nascimento da Silva, invadiram o estabelecimento com armas de fogo, já anunciando o assalto.

Uma das vítimas contou que eles faziam ameaças a todo momento. Eles pediam aparelhos celulares e objetos de valor. Eles teriam mandado todos se deitarem no chão, chegaram a chutar uma das vítimas e a puxar o gatilho de um revólver. Por sorte, a arma não disparou.

Na fuga, os bandidos pediram a chave de uma caminhonete Hilux, de cor branca, que estava estacionada na porta do local. Eles, porém, sequer conseguiram deixar o local. Primeiro porque foram surpreendidos por uma equipe da Polícia Militar, que foi informada do roubo e chegou a tempo no local. Além disso, nenhum dos ladrões sabia dirigir um veículo automático, segundo relatou a PM.

[related_news ids=”88726,87568,86984,86243″][/related_news]

Durante a abordagem, os objetos roubados, como celulares e dinheiro, foram encontrados.

A polícia relatou ainda que um dos suspeitos informou que tinha um veículo dando apoio ao crime. No entanto, foi feita busca pela região, mas ninguém foi encontrado. Depois, outro suspeito disse que tinha outra arma de fogo em sua casa, onde militares também fizeram revista e, novamente, nada encontraram.

Foram apreendidos uma pistola calibre 45 com cinco munições, um revólver calibre 32 com três munições e um bloqueador de sinal. Os envolvidos foram levados para o CISC do Parque do Lago, onde a ocorrência foi registrada.

Segundo a Polícia Militar, Jefferson Nascimento já possuía passagem por porte ilegal de arma, roubo e tráfico de drogas, enquanto Luiz Carlos tem registro de roubo e homicídio.