Autoramas encabeça programação do Cerrado Fuzz Festival em MT

A 5ª edição ocorre em junho e traz bandas de quatro estados brasileiros

Autoramas (Foto: Divulgação/Lollapalooza)

Com o lema “é tempo de viver uma nova experiência”, o Cerrado Fuzz Festival chega à 5ª edição abraçando também as artes cênicas e visuais no dia 15 de junho, sábado, em Rondonópolis (215 km de Cuiabá). O evento se consolida como um dos principais festivais de música autoral em Mato Grosso na atualidade, com um line-up cada vez mais interestadual e diversificado, em linguagens e estilos. Os ingressos já estão à venda por R$ 30.

Na ocasião, a mato-grossense Karola Nunes lança “Somos Som” (Foto: Fred Gustavos)

Mantendo a tradição, o Cerrado Fuzz reúne atrações locais e de outros Estados como parte da proposta de vitrine em circuito. Com 20 anos de estrada, a banda Autoramas, do Rio de Janeiro (RJ) chega como headline. Mad Monkees, de Fortaleza (CE), e Stolen Byrds, de Maringa (PR), também são as bandas convidadas da vez.

O músico Billy Espíndola e a guitarra de cocho, o instrumentista Gabriel Carmo, com seu projeto “Malungo Brasileiro” e a cantora Karola Nunes, que acaba de tirar do forno seu primeiro álbum “Somos Som” serão as atrações anfitriãs da programação.

A novidade deste ano será o conjunto de apresentações e exposições culturais que ambientam o espaço verde da Chácara Mocó. A partir das 15h, vão rolar apresentações circenses com tecido, dança, lira acrobática solo e duo, pirofagia e modalidades de slackline, com Coletivo Circular, de Rondonópolis. O grupo Hypnose Break, de Cáceres, também apresentará coreografias de clássicos do rock e “disco rock”.

O festival garante ainda a gastronomia com o Chef Pietro Anghinoni, da Cozinha Pirata, e estrutura de estacionamento privativo e internet wi-fi gratuita, fornecida pela Brava. Também vai rolar Vinil 70 Discotecagem, com venda de artigos relacionados, e exposição de artesanato.

Banda Stolen Byrds (PR)

Headline

Uma das principais bandas na cena musical independente brasileira, a Autoramas já lançou 8 álbuns, 2 DVDs, além de vários singles e coletâneas. Em 2013, o grupo tocou no Rock In Rio, show eleito “o melhor do ano” pelo jornal O Globo. Este ano, foi a vez de subir no palco do Lollapalooza 2019.

Com sua mistura de rock bubblegum garage, surf, new wave e jovem guarda, Autoramas foi a banda mais premiada no VMB da MTV, em 2005, contemplada com 3 prêmios. É um dos únicos grupos brasileiros que tocaram em todos os Estados do país.

Foram turnês no Japão, Inglaterra, EUA, Uruguai, Argentina, Peru, Chile, Portugal, Espanha, França, Itália, Suíça, Alemanha, Bélgica, Holanda, Dinamarca, Suécia, Áustria, Finlândia e México.

Banda Mad Monkees (CE)

Sustentabilidade

O produtor Fernando Rodrigues, um dos organizadores do evento, conta que a equipe da 5ª edição do Cerrado Fuzz também contou com consultoria de sustentabilidade durante o período de pré-produção deste ano. Pela primeira vez, o evento terá coleta seletiva de lixo que será feita pela Coopercicla.

“Fomos para buscar parcerias com empresas privadas para viabilizar algumas ações, como a atividade separação de lixo. Para isso contamos com a parceria de uma cooperativa daqui da cidade, que faz esse trabalho e vai orientar o público durante o evento”, explica Fernando.

Além das estratégias de conscientização, o festival irá investir em ações como oficinas e brindes. “Vamos comercializar as canecas de chope na data para diminuir o uso de copos descartáveis. Vamos fazer distribuição de mudas para quem participar de oficinas simples que planejamos realizar”, complementa o produtor.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorForagido há três anos, ex-prefeito de Campinápolis é preso
Próximo artigo“Fomos pegos de surpresa”, diz prefeito de Aripuanã sobre fechamento de cadeia