“Uns demais, outros de menos”

Promotor de Saúde Pública, Alexandre Guedes diz que medidas adequadas estão sendo tomadas por gestores, mas falta sintonia

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Na linha de frente de acompanhamento das ações da saúde pelo Ministério Público do Estado (MPE), o promotor Alexandre Guedes diz que municípios e Estado não estão sintonizados na tomada decisões de combate ao novo coronavírus. 

“Medidas adequadas tem sido tomadas, mas não estão sendo tomadas por igual”, disse o promotor. 

Ele diz que “tem gente fazendo demais e tem gente fazendo de menos” nas medidas de prevenção. Alguns municípios que adotaram toque de recolher para população – estão na lista dos excessos. 

Outros não têm auxiliado na manutenção de serviços essenciais, como transporte de cargas e de alimentação, e estão errando pela falta. 

Subnotificação

O promotor está hoje também lidando com a situação de subnotificação dos casos suspeitos e confirmados do coronavírus.

Na semana passada, o secretário de Saúde, Gilberto Figueiredo, recorreu ao Ministério Público para conseguir informações dos hospitais particulares da incidência de contaminação. 

Segundo Alexandre Guedes, alguns hospitais foram notificados sobre o problema e estão enviando respostas. A Promotoria de Saúde Pública aguarda o compilado para tomar o próximo passo. 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCoronavírus: grupo de apoio mobiliza voluntários para atender pessoas em situação de rua
Próximo artigoCoronavírus: bombeiros farão desinfecção em locais com grande circulação

O LIVRE ADS