Preso por dirigir alcoolizado tenta subornar policiais com R$ 60: “toma este cafezinho”

O homem ainda resistiu à prisão e foi necessário o uso de força para conseguir colocá-lo na viatura; o caso aconteceu na região metropolitana de Cuiabá

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Um homem de 39 anos foi preso no fim da noite dessa quarta-feira (13) acusado de dirigir alcoolizado, ameaçar os policiais e tentar suborná-los oferecendo R$ 60.

O caso aconteceu no Bairro Jardim Potiguar, em Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá), por volta das 23h50.

Conforme o boletim de ocorrência, uma equipe da Polícia Militar encontrou o suspeito em um Honda Fit preto, trafegando em um local com pouca movimentação e o parou para checar a documentação dele e do veículo.

O homem, no entanto, afirmou que não tinha qualquer documento, tirou R$ 60 e ofereceu para os policiais, dizendo: “Estou sem a documentação. Porém, toma este cafezinho pra ficar tranquilo”, consta no boletim de ocorrência.

Os militares informaram o suspeito que ele estava cometendo “crime de corrupção ativa” e deram voz de prisão a ele.

Enquanto era algemado, o homem começou a ameaçar os policiais, dizendo: “Vocês não sabem com quem estão mexendo. Eu sou empresário, tenho advogado, não vou deixar barato”.

Ele resistiu à prisão e foi necessário o uso de força para colocá-lo na viatura. Como notaram indícios de embriaguez, os policiais solicitaram o teste do bafômetro, mas o suspeito se negou a realizar.

Ele foi encaminhado para a Central de Flagrantes de Várzea Grande, onde o caso foi registrado como ameça, corrupção ativa e conduzir veículo automotor sob a influência de álcool ou substância psicoativa.

Na delegacia foi constatado que ele é habilitado e o veículo estava com a documentação em dia. Mas, como não havia mais ninguém habilitado para entregar o carro, este foi apreendido.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

O LIVRE ADS