Petista defende Bolsonaro

Valdir Barranco disse ser contra outro processo de impeachment

(Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

Filiado ao PT da ex-presidente Dilma Rousseff – cujo mandato terminou antes do previsto por conta de um processo de impeachment – o deputado estadual Valdir Barranco usou a tribuna da Assembleia Legislativa de Mato Grosso para dizer que defende que o presidente Jair Bolsonaro (PSL) “vá até o último dia de mandato”.

A fala de Barranco foi feita durante um discurso em que ele defendeu que não haja uma “ruptura democrática” no país, mas também aproveitou para criticar a forma como o atual presidente vem conduzindo a nação.

O petista acabou cedendo parte do tempo que tinha de fala para o colega Silvio Fávero, que é filiado ao PSL. O parlamentar correligionário de Bolsonaro, então, citou a manifestação pró-governo prevista para ocorrer no domingo (26) e disse que é cedo para fazer qualquer julgamento acerca do desempenho do presidente.

“Trocar o nosso presidente agora? quem ganha com isso?”, questionou Fávero, que foi respondido por Barranco: “Não quero que troque, quero que ela vá até o último dia de mandato. Digo isso sempre, o resultado das urnas precisa ser respeitado”.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorJustiça vai ouvir 16 testemunhas de defesa por morte do tenente Scheifer
Próximo artigoPrestes a receber seguro de roubo, homem se irrita ao ter o carro recuperado

O LIVRE ADS