Do Racionais MC’s, Mano Brown se apresenta neste sábado em Cuiabá

Show do artista referência no rap brasileiro será no Clube da Caixa

Dezembro começa neste sábado (01) e Cuiabá recebe o show da principal referência do rap brasileiro. Mano Brown apresenta seu projeto solo no “Baile do Patrão”, realizado no Clube da Caixa; ingressos vendidos a partir de R$ 40 podem ser adquiridos nas lojas da Casa de Festas, Mexe o Doce, Tube e no site Ingressos MT.

A partir das 22h, passam pelo palco os DJ’s Helinho, Everton Detona, Juliano, os MC’s Dentinho, Vinicinho, Waltinho, Mano Cézzar e os grupos Aprontaê e Sedusamba. O destilado é liberado até às 1h.

Integrante da Racionais MC’s, um dos grupos musicais mais influentes do país, Mano Brown canta rap desde 1988 ao lado de Ice Blue, Edi Rock e KL Jay. Escolhido pela Rolling Stones como um dos cem maiores artistas da música brasileira em 2008, oxigena a carreira com seu projeto solo, que traz influências do soul, R&B e funk americano, ao estilo dos bailes blacks dos anos 70 e 80.

Seu disco de estreia “Boogie Naipe (2016)”, indicado para melhor álbum pop contemporâneo no Gramy Latino 2017, reúne participações de importantes nomes da música negra como Cassiano, Ellen Oléria, Hyldon, Carlos Dafé, William Magalhães (Banda Black Rio), Wilson Simoninha, DJ Vitória Rios, Seu Jorge, Don Pixote, DJ CIA e Leon Ware. Lino Krizz e Mano Brown assinam a produção.

No Racionais MC’s, Mano Brown, Ice Blue, Edi Rock e KL Jayos emplacaram o álbum “Sobrevivendo no Inferno”, um marco na história do rap brasileiro com letras que revelaram o cotidiano das periferias e presídios de São Paulo. O disco vendeu mais de um milhão de cópias, ganhou prêmios e um clipe marcante da música “Diário de Um Detento” cobre o massacre do Carandiru.

O Clube da Caixa está localizado na Rod. Palmiro Paes de Barros, KM 2, Jardim Nossa Sra. Aparecida. Mais informações pelo (65) 99635-3486.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAtropelador é solto, sem fiança
Próximo artigoAugusto Nunes: Cuba fez o que quis no Brasil durante o Mais Médicos