Apoio de retribuição

Condenada e cassada, Selma Arruda trai o próprio partido e o deputado federal José Medeiros e apoia pretenso candidato

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

A senadora cassada Selma Arruda deixou suas funções como presidente de honra no Podemos e entrou na campanha de Reinaldo Morais (PSC) ao Senado. 

O afastamento foi concedido nesse domingo (13). Mas, conforme o presidente do partido em Cuiabá, vereador Wilson Kero Kero, Selma continua filiada. 

O LIVRE apurou que o apoio de Selma ao candidato de outro partido envolve uma retribuição a senadores que lhe deram apoio no processo para evitar a perda de mandato no Congresso, em 2019. 

Contudo, ao Podemos, ela justificou oficialmente que o afastamento é por motivos pessoais.  

O Podemos será representado pelo deputado federal e presidente estadual José Medeiros na disputa ao Senado.

Ele também foi um dos congressistas que comprou a briga a favor de Selma e a recebeu quando decidiu sair do PSL, após briga com clã Bolsonaro. 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

1 COMENTÁRIO

  1. Pelobque sei no Jornalismo a imprensa tem que ser Imparcial e não com ativismo esta materia está totalmento parcial ao tratar o Pre candidato Reinaldo com pretenso candidato. Pense nisso se nao vai ser mais um site de materias pagas. Porque nao ouvir a Selma e o Reinaldo?

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorFábio e Iraci
Próximo artigoJovem tenta se aproximar de pai ausente e é abusada sexualmente por ele