Algodão: Imea divulga nova estimativa da safra 19/20 em MT

Cultivo da pluma deve apresentar uma ligeira retração no estado, começando pela área, cuja redução é de 0,7%

Foi dada a largada para a safra de algodão 19/20 em Mato Grosso. Após registrar inúmeros recordes na safra 18/19, o cultivo da pluma deve apresentar uma ligeira retração no estado, começando pela área, cuja redução é de 0,7% em relação à safra anterior, segundo estimativa divulgada nessa segunda-feira (09), pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea).

A previsão é que os cotonicultores semeiem um total de 1,110 milhão de hectares. Na safra anterior, a área consolidada foi de 1,117 milhão de hectares. Segundo o Instituto, a retração se deu por diversos fatores, tais como: o atraso na semeadura da soja e a desvalorização nos preços da pluma no mercado internacional.

Para o superintendente do Imea, Daniel Latorraca, este é um cenário de estabilidade. “A área de algodão ainda permanece entre as maiores áreas cultivadas em Mato Grosso nos últimos cinco anos”, disse.

A produção também apresentou recuo de 3,6% para a pluma e 3,7% para o caroço, ante a safra 18/19. Quanto à produtividade, não houve alteação, a estimativa permanece em 274,40 @/ha.

Em relação a valorização, o preço da pluma em Mato Grosso, ainda segundo o Imea, apresentou alta de 2,21%, ficando cotado a uma média semanal de R$ 81,37/@.

Plantio

Com o fim do vazio sanitário, algumas regiões já podem cultivar a pluma desde o último dia 1º. Em algumas regiões, a semeadura já começou. No entanto, o ritmo ainda é lento e totaliza apenas 0,33% da área prevista para a primeira safra, que é de 127,33 mil ha.

Parte dos produtores dos municípios de Rondonópolis, Campo Verde, Primavera do Leste, no sudeste do estado, devem dar mais ritmo ao plantio a partir da segunda quinzena de dezembro.

Leia também:
Conheça a máquina milionária que mudou a colheita de algodão em MT
Ampa prevê manutenção na área de algodão em Mato Grosso na safra 2019/20

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAlexandre Taleb: “Imagem pessoal não se resume a boa aparência”
Próximo artigoTampa Cuiabá terá show de blues nesta terça-feira, além de cachaça no “welcome drink”

O LIVRE ADS