Instituto Ciranda realiza recitais com entrada franca em três cidades durante o mês

Aprendizes de violino, viola, violoncelo, instrumentos de sopro e percussão se apresentam em Campo Verde e Rondonópolis; em Cuiabá é nesta quinta-feira (11)

Já se tornou uma tradição do Instituto Ciranda – Música e Cidadania. Todo mês de outubro é assim, estudantes de música apresentam seus dotes no recital anual. Este ano, novamente, o palco do Teatro Zulmira Canavarros receberá jovens aprendizes de violino, viola, violoncelo, instrumentos de sopro e percussão no dia 11 (quinta-feira) a partir das 19h, com entrada franca.

“Este é um dos momentos mais importantes no processo de formação de um jovem músico, em que os estudantes de diversos instrumentos se revezam no palco mostrando o trabalho desenvolvido ao longo do ano. Sob a perspectiva social também são impactantes as mudanças proporcionadas às crianças e jovens envolvidas”, explica Murilo Alves, presidente do Instituto.

Este ano, além de Cuiabá, o Instituto Ciranda também realiza recitais em Campo Verde (dias 15, 17 e 18/10, no Lorys Hotel) e em Rondonópolis (dia 14/10 no Sest Senat), sempre a partir das 19h e com entrada franca.

Para os jovens estudante, o recital anual é o momento de se apresentar para os colegas de curso, amigos, professores, familiares e sociedade em geral. Devido à natureza da grande responsabilidade acarretada na atividade, o aluno consegue superar barreiras, como perder o medo do palco. Além disso, amplia seu repertório e compreensão musical, como camerista e ganha experiência de desempenho em um palco como profissional.

Ainda para os alunos, a presença do público é fundamental, pois é onde o ciclo do fazer musical se completa. Já para quem assiste, esta é uma oportunidade de ouvir individualmente ou em grupo, os alunos tocando instrumentos como flauta, oboé, clarineta, fagote, saxofone, percussão e todos os instrumentos da família das cordas.

(Com assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMato Grosso elege uma mulher para cada Parlamento
Próximo artigoApós morte de casal em acidente, moradores queimam pneus e fecham rodovia