Governo cumpre acordo e nomeia mais de 220 professores do cadastro de reserva

Confira aqui o nome dos novos professores chamados pelo Estado

Professores estão sem receber desde que a paralisação começou, há mais de 70 dias d(Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

O governo cumpriu nesta quinta-feira (22), mais um dos pontos acordados para o encerramento da greve que durou mais de 70 dias: a nomeação de professores do cadastro de reserva. Os nomes de 221 professores constam no Diário Oficial que circula hoje. [Consulte aqui!]

Os atos de nomeações são para 45 municípios do Estado, dentre eles, Cuiabá, Várzea Grande, Rondonópolis e Pontes e Lacerda.

Segundo a Secretaria de Estado de Educação (Seduc) os nomeados deverão procurar a Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), a Pasta responsável pela posse e efetivo exercício.

Antes da posse há todo um processo burocrático como a realização de exames médicos e perícia médica. O agendamento do serviço pode ser feito por telefone por meio do Disque-servidor no 0800-647-3633. Além do disque-servidor, o site da Seplag também tira as dúvidas frequentes.

O salário inicial de um professor da rede estadual é de R$ 2.899,73 (30 horas). No fim da carreira o salário pode chegar a R$ 10.604,18 dependendo das titulações.