Gilberto desmente SES – e vice-versa

Alarmismo de secretário não combina com números divulgados por sua secretaria

(Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

O secretário de Saúde de Mato Grosso, Gilberto Figueiredo, deu entrevista nesta segunda-feira (25) afirmando que os recursos de combate à covid-19 estariam “à beira do colapso” e que, pelo andar da carruagem, em breve Mato Grosso teria que transferir pacientes para outros estados.

Fonte Painel Covid-19/SES-MT em 25/01/2021

De acordo com o “Painel Covid-19”, da própria Secretaria de Saúde, porém, a taxa de ocupação de Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) é, hoje, de 58%. E as enfermarias no estado estão ainda mais folgadas, já que apenas 28% delas estão ocupadas.

Dados da própria secretaria, conforme apurou o LIVRE, mostram também que apenas 3% dos infectados pelo novo coronavírus acabam necessitando de tratamento em UTI.

Atualização

Em tempo: em contato com o LIVRE, a Assessoria da SES afirmou que a taxa atual de ocupação de UTIs em Mato Grosso é de 67%.

(Atualizada às 19h20)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorEscolas fechadas vão causar uma epidemia de analfabetismo, diz pesquisador
Próximo artigoVolta às aulas: Emanuel Pinheiro autoriza retomada no sistema híbrido