Reinaldo Morais é aprovado em convenção para concorrer ao Senado em MT

Ato político contou com a presença da senadora cassada Selma Arruda

(Foto: Assessoria)

A convenção do Partido Social Cristão em Mato Grosso (PSC-MT) aprovou o nome do empresário Reinaldo Morais para disputar a eleição suplementar para o Senado Federal.

O ato político contou com a presença da ex-senadora Selma Arruda, que firmou apoio a Reinaldo para ocupar a sua vaga no Congresso Nacional – uma vez que ela foi cassada pela Justiça Eleitoral.

A convenção aconteceu na noite desta quarta-feira (16) no Hotel Fazenda Mato Grosso, em Cuiabá, e contou com a presença de correligionários de todo o estado. Na ocasião, foram definidos também os suplentes: Gilberto Cattani, de Tangará da Serra, e Nelis Farias, de Rondonópolis.

“Nós queremos fazer um embate real contra a corrupção, criar políticas públicas para geração de emprego e renda, para que de fato aconteça a valorização da família mato-grossense e assim trazer mais dignidade para a populaçãol”, afirmou o pré-candidato pelo PSC.

Suplentes

O primeiro suplente, Gilberto Cattani, é do Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB-MT). Cattani é representante da agricultura familiar e referência no bloco patriota bolsonarista de Mato Grosso.

O segundo suplente, Neles Farias, é filiado ao PSC. Ele é empresário e foi por duas vezes presidente da Comercial de Rondonópolis.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorVirginia Mendes testa positivo para covid-19
Próximo artigoPT lança Barranco ao Senado