Ministério da Saúde terá Secretaria Extraordinária de Enfrentamento à Covid-19

A nova secretaria vai permitir que o ministério consiga lida com a pandemia sem deixar de lado outras necessidades do país

(Foto: divulgação)

Em uma decisão conjunta entre o Ministério da Saúde e o presidente Jair Bolsonaro, o governo federal decidiu por criar uma Secretaria Extraordinária de Enfrentamento ao novo coronavírus. O decreto foi publicado, nessa segunda-feira (10), no Diário Oficial da União.

A secretaria terá a função de representante do Ministério da Saúde na coordenação das medidas a serem executadas durante a pandemia. Até o momento, não foi confirmado quem será o comandante da nova pasta.

A criação da secretaria era uma ambição do atual ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. De acordo com o médico, é essencial a separação interna para não acontecer confusões com dados. 

O anúncio da secretaria havia sido feito por Queiroga ainda no dia 24 de março, pouco após ele assumir o ministério. Na ocasião, o ministro defendeu que a secretaria focasse na pandemia e o ministério pudesse atender as outras demandas do país

“Essa secretaria vai cuidar somente da pandemia, porque sabemos que, além da pandemia, as pessoas continuam tendo outros males”, disse Queiroga.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAssaltante de banco procurado é morto durante confronto com o Bope
Próximo artigoCentro de Triagem em Cuiabá começará a ser fechado no próximo sábado