Caso Isadora: advogado diz que vai lutar para que filha deponha à Justiça

Isadora Praeiro Pedroso Ardevino é alvo de uma disputa judicial pela sua guarda desde que o pai foi acusado pela mãe de "sumir" com a menina

(Foto: Ednilson Aguiar / O Livre)

O advogado João Vitor Alves Praeiro, pai da menina Isadora Praeiro Pedroso Ardevino – alvo de uma disputa judicial em família – disse que vai lutar para que o depoimento da filha seja colhido pela Justiça de Mato Grosso e considerado no processo de guarda.

Isadora virou notícia depois que sua mãe, a enfermeira Marina Pedroso foi à imprensa, denunciar que não sabia o paradeiro da filha. A menina havia sido levada pelo pai, com quem a guarda era compartilhada.

Neste domingo (7), Isabora foi localizada e a desembargadora Nilza Maria Pôssas de Carvalho, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), determinou a guarda unilateral por parte da mãe.

João Vitor Alves Praeiro se manifestou sobre o caso por meio de nota. No texto, disse larmentar “profundamente as atitudes da mãe, que mesmo após decisão judicial de não fazê-lo, permanece expondo exaustivamente a imagem da filha”.

Afirmou ainda que vai pleitear que a menor seja ouvida no processo que discute sua guarda. Antes de ser encaminhada à mãe, a guarda provisória era do avô paterno de Isadora, o defensor público Air Praiero.

Na nota, João Vitor ainda acusa Marina Pedroso de negligência em relação à educação da filha e afirma ter um processo contra ela por supostos maus tratos.

LEIA TAMBÉM

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSenador petista espalha Fake news contra Bolsonaro
Próximo artigoMulher-Maravilha 3 terá Lynda Carter, confirma Gal Gadot