Após cinco meses, Hya Girotto fala pela primeira vez sobre acidente

Hya foi a única sobrevivente do acidente em frente à Valley Pub que vitimou os jovens Myllena de Lacerda Inocêncio e Ramon Alcides Viveiros

Após cinco meses de recuperação e silêncio, a jovem Hya Girotto, 21 anos, – uma das vítimas da tragédia em frente à Valley no final de 2018 – pronunciou-se pela primeira vez nesta sexta-feira (31). Em uma mensagem na rede social Instagram, ela agradeceu a Deus, à família, aos amigos, aos médicos e a todos que rezaram e ajudaram de alguma forma em sua recuperação.

Hya foi a única sobrevivente de um atropelamento em frente à boate Valley Pub, em Cuiabá, no dia 23 de dezembro de 2018. A tragédia levou à morte da melhor amiga dela, Myllena de Lacerda Inocêncio, 22 anos, e do cantor Ramon Alcides Viveiros, 25 anos.

Na mensagem publicada nesta sexta-feira (31), Hya disse acreditar que sem Deus ela não estaria conseguindo se recuperar e ter a força que está tendo para seguir a vida após o acidente. Ela afirmou que tem se recuperado aos poucos e está bem, mas que o processo é longo.

A jovem retornou à faculdade no dia 1º e abril deste ano, onde foi recebida pelos colegas de classe com festa-surpresa e muita comemoração. Ainda que tenha precisado estar ausente por um período, ela não perdeu o semestre e conseguiu seguir com sua turma original.

Na publicação desta sexta-feira (31), que acompanha uma imagem escrita “gratidão” ela agradeceu, ainda, aos familiares e amigos, por cada gesto de amor e carinho, e a todos médicos e profissionais de saúde que cuidaram de sua recuperação e ainda estão cuidando.

Por fim, Hya direcionou os agradecimentos às pessoas não próximas que se uniram em orações e até mesmo em doações financeiras, por meio de uma Vakinha Online, para ajudá-la.

“A todos vocês conhecidos e anônimos, que me ajudaram de uma forma inexplicável, com orações, energias positivas e com doações financeiras na Vakinha Online, que à época foi criada. Fiquei muito feliz em saber da generosidade de cada um de vocês. Obrigada, obrigada e obrigada”, escreveu a universitária.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Gostaria de começar agradecendo primeiramente à Deus, pois sem Ele eu não estaria conseguindo me recuperar e ter a força que eu estou tendo. . Obrigada à todos meus familiares e amigos, por toda ajuda que me foi dada, por cada gesto de carinho e amor. . À todos os médicos e profissionais da área da saúde que cuidaram e estão cuidando de mim, os meus mais sinceros agradecimentos. . E por fim, mas não menos importante, agradecer à todos vocês conhecidos e anônimos, que me ajudaram de uma forma inexplicável. Me ajudaram com orações, energias positivas e com doações financeiras na Vakinha Online, que à época foi criada. Fiquei muito feliz em saber da generosidade de cada um de vocês. Obrigada, obrigada e obrigada! . Eu estou bem, aos poucos estou me recuperando, mas o processo é longo. . Obrigada à todos, mais uma vez! ❤

Uma publicação compartilhada por Hya Girotto ❥ (@hyagirotto_) em

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCuiabá sedia maior torneio de Xadrez da história de MT neste fim de semana
Próximo artigoMapa investiga caso atípico de vaca louca em MT