Queda na curva ou no sistema? (2)

Mato Grosso volta a ter mais de mil casos diários da covid, após atualizações do sistema da Secretaria de Estado de Saúde

(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre)

Depois de dias de redução – pelo menos em comparação com o histórico mais recente – no número diário de novos casos da covid-19, Mato Grosso voltou a registrar mais de mil diagnósticos em apenas 24 horas.

O boletim informativo da Secretaria de Estado de Saúde (SES) divulgado nesta quinta-feira (16) mostra que 1.181 pessoas foram diagnosticadas em 24 horas.

O número de mortes manteve a média das últimas semanas: foram 39 vítimas fatais neste mesmo período.

A elevação leva a crer que a mudança nos sistemas da SES – anunciada no fim de semana passado – foi mesmo a responsável pela impressão de que Mato Grosso, enfim, estava descendo a curva da pandemia.

LEIA TAMBÉM

O boletim desta quarta-feira (15), por exemplo, trazia uma nota de esclarecimento que informava que, até então, nem todos os municípios mato-grossenses tinham conseguido atualizar seus dados no novo sistema.

Naquele dia, o Estado registrou “somente” 618 de novos diagnósticos da covid-19. Apenas o número de mortes se manteve na média. Também foram 39 óbitos.

Com os dados atualizados, Mato Grosso chegou ao acumulado – desde o início da pandemia – de 31.717 pessoas infectadas com o novo coronavírus. Dessas, 15.018 já foram consideradas curadas. Um número bem próximo das que ainda estão doentes: 15.464.

Entre os que ainda lutam contra o vírus, 544 estão internados em leitos comuns e 414 estão em Unidades de Terapia Intensiva (UTI).

Mato Grosso tem hoje 24 leitos de UTI disponíveis para novos pacientes da covid-19, o que representa uma taxa de ocupação de 92%.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorDuas funções
Próximo artigoBolsonaro em MT em setembro