Instituto Soja Livre apresenta variedades convencionais na Dinetec

Evento será realizado de 15 a 19 de janeiro em Canarana, região Leste de Mato Grosso

A viabilidade da soja convencional em Mato Grosso será apresentada pelo Instituto Soja Livre durante a Dinetec 2020, em Canarana, na região Leste de Mato Grosso. De 15 a 19 de janeiro, as variedades que estão disponíveis no mercado ou em teste estarão nas Unidades Demonstrativas (UDs).

Entre estas cultivares, estão as desenvolvidas pela Embrapa (BRS 6980, 7980, 8381, 8581, 6680 e 7481), Agronorte (AN83 0022sc, AN89 109sc entre outros materiais) e TMG (TMG 4182 e 4185).

“A região do Araguaia é uma das mais utilizadas para a produção de soja convencional e ajuda o Estado a ser campeão nacional. Neste evento, mostramos as variedades e as vantagens de se produzir soja convencional em Mato Grosso”, afirma Endrigo Dalcin, presidente do Instituto Soja Livre.

Atualmente, estimativas do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) indicam que do total de 33 milhões de toneladas de soja produzidos em Mato Grosso, 8% são de soja sem transgenia.

A Dinetec ocorre na Área Experimental Meta Agro, em Canarana, e é considerado o maior evento tecnológico do Vale do Araguaia.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorHomem que matou, retalhou e escondeu corpo em geladeira é condenado a 21 anos de prisão
Próximo artigoParceria permite que 8 mil pecuaristas possam retornar ao mercado formal

O LIVRE ADS