Homem aproveita que mãe foi à igreja e estupra a própria irmã de oito anos

Ele fez a esposa ir ao açougue para ficar sozinho com a irmã e cometer o abuso

Imagem ilustrativa

Um jovem de 21 anos está sendo procurado pela polícia por ter estuprado a própria irmã, de apenas oito anos, enquanto a mãe o deixou cuidando da menina para ir à igreja.

O caso aconteceu na casa da família, no Bairro Princesa do Sol, em Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá).

Conforme o boletim de ocorrência, a mãe saiu por volta das 10 horas desse sábado (8) para ir à igreja e deixou a filha sob os cuidados do filho e da nora.

Ao retornar para casa, por volta das 11 horas, encontrou a menina triste e questionou o motivo.

A filha, então, pediu um pedação de papel higiênico, mostrou para a mãe que estava com sangramento nas partes íntimas e contou que havia sido abusada sexualmente pelo irmão.

A mãe perguntou à nora se ela sabia do ocorrido e ela disse que não, pois, assim que a sogra saiu, o marido pediu que ela fosse ao açougue para comprar carne.

A mãe discutiu com o filho, mas estava tão preocupada com a filha que não chamou a polícia imediatamente, mas sim correu com a menina para o Pronto-Socorro de Várzea Grande.

Fuga

A Polícia Militar foi acionada já no hospital, ouviu a mãe e foi até a casa da família em busca do suspeito. Porém, só encontrou a esposa dele no local, que disse que o marido havia pegado algumas roupas e fugido em uma motocicleta Falcon cinza.

O Conselho Tutelar foi acionado para acompanhar o caso, registrado na Central de Flagrantes como estupro de vulnerável.

LIVRE produziu um manual para você saber como agir, caso tenha sido vítima ou testemunha de um crime sexual:

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorToffoli é internado com pneumonia
Próximo artigoDe folga, policial mata homem que apontou arma para cabeça de comerciante