Ex-secretário Célio Rodrigues é preso pela PF na Operação Cupincha

Casa do ex-gestor, já investigado na Operação Curare no fim de julho, voltou a ser alvo na manhã desta quinta-feira (28)

O ex-secretário de Saúde de Cuiabá, Célio Rodrigues da Silva, foi preso na manhã desta quinta-feira (28) como alvo da Operação Cupincha, deflagrada pela Polícia Federal.  

A casa do ex-secretário foi um dos locais com mandado de busca e apreensão na investigação de crimes a saúde. Célio Rodrigues ocupou o cargo por 45 dias entre junho e julho deste ano, após a demissão de Ozenira Félix, mas tem longo histórico na gestão da Saúde. 

Antes de chegar ao comando da secretaria, ele passou pela Empresa Cuiabana de Saúde e pela direção do Hospital São Benedito. O afastamento dele do cargo ocorreu no contexto da Operação Curare, considerada 1ª fase da operação atual, a “Cupincha”. 

Segundo a PF, Célio faria parte de uma organização criminosa que fraudava contratações emergenciais e recebimento de recursos públicos em Cuiabá para serviços de combate à covid-19. 

As fraudes se concentravam na prestação de serviços especializados em saúde, como gerenciamento de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). 

A Operação Cupincha ocorre em Cuiabá e Curitiba com três ordens de prisão, sendo duas em Cuiabá. Um dos alvos está foragido.

Leia também:

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMinistra em Sorriso
Próximo artigoDesfile em Cuiabá marca o lançamento da Feijoada de Inverno 2021