Evasão escolar: MT continua longe de recuperar alunos que desistiram na pandemia

Quantidade de vagas em aberto para ano letivo está acima de 48 mil, com leve melhora em relação a 2021

(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre )

A rede pública estadual de ensino em Mato Grosso não deve conseguir recuperar as matrículas de alunos desistentes durante a pandemia já no início do ano letivo 2022. A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) diz que mais de 48 mil vagas estão em aberto. 

Até o momento, foram registrados 29.950 pedidos de matrículas em todo o Estado, isso resntando somente duas semanas e meia para o início do calendário escolar. A situação é pouco melhor do que a do ano passado, quando, uma semana antes da volta às aulas, 50 mil vagas continuavam em aberto. 

LEIA TAMBÉM

Os números são de balanço divulgado nesta quarta-feira (19), após o fechamento do prazo de confirmação de matrículas nas escolas. O último dia para a confirmação foi segunda-feira (17), e agora o Portal de Matrícula passa por manutenção. 

Ele voltará a ficar disponível no dia 24, próxima segunda-feira. Neste intervalo, as escolas só aceitarão pedido de matrícula com procura presencial. 

Conforme a Seduc, em 2020, cerca de 76 mil estudantes desistiram da vida escolar por causa da suspensão das aulas presenciais em consequência da pandemia. A desistência foi confirmada após os alunos deixarem de comparecer às aulas via videoconferência, a partir de agosto. 

Na época, a quantidade correspondia a 20% todo total de matriculados. Em 2021, pouco mais de 50 mil vagas permaneceram em aberto, e o balanço mais recente indica uma queda de menos de 2 mil vagas para 2022. 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAções da Sony despencam após Microsoft comprar a Activision Blizzard
Próximo artigoFazendeiro armado reage a assalto em MT e mata ladrão