Assembleia Legislativa “doa” R$ 3 milhões para Hospital do Câncer não fechar as portas

Os trâmites para o repasse - que cobrirá metade da dívida da Prefeitura de Cuiabá - devem ser definidos em reunião nesta quinta-feira

(Foto: Fablício Rodrigues / ALMT)

A Assembleia Legislativa de Mato Grosso vai destinar R$ 3 milhões ao Hospital do Câncer (HCan). O objetivo é manter os atendimentos aos pacientes até a cobertura das dívidas da Prefeitura de Cuiabá.

A transferência será negociada em reunião nesta quinta-feira (17), entre a presidência do hospital, Ministério Público do Estado (MPE) e a direção da ALMT. 

Conforme divulgado pelo LIVRE, o HCan está há dois dias com atendimento suspenso para pacientes novos por falta de condições financeiras. O hospital alega estar devendo  fornecedores e funcionários porque repasses que a Prefeitura de Cuiabá deveria fazer, estão atrasados.

Presidente do hospital, o médico Laudemir Moreira disse que a dívida está R$ 6,3 milhões. 

LEIA TAMBÉM

A contribuição da Assembleia Legislativa chegaria por meio de devolução de recurso próprio para o governo do Estado. A negociação discutirá meios legais de fazer o recurso chegar ao hospital. 

“Desde que Luiz Antônio Pôssas era secretário [de Saúde] parece que a prefeitura já tinha uma birra com os hospitais filantrópicos. E a mesma coisa está acontecendo com a [secretária] Ozenira Félix. Eles não entendem que o Estado não funciona sem os filantrópicos. Mato Grosso não tem alternativa para o Hospital do Câncer”, disse a vice-presidente da Assembleia, deputada Janaína Riva (MDB). 

Nessa quarta-feira (16), o Hospital Geral, que também recebe pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), também passou a restringir atendimentos sob o argumento de falta de repasses da Prefeitura de Cuiabá. 

Caso o HCan interrompa completamente suas atividades, mais de seis mil pacientes em tratamento de quimioterapia e radiologia, além de cirurgias, serão prejudicados.  

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anterior13º salário está na conta? Saiba como se organizar e usá-lo da melhor forma possível
Próximo artigoGoverno federal destina R$ 20 bilhões para compra de vacinas contra a covid-19