Vontade de viajar represada e procura por destinos estaduais aquecem turismo em MT

Setor aponta leve recuperação, mesmo sem a tradicional procura nas férias escolares de julho

(Foto: Alexandr Podvalny / Pexels)

Desde o início da pandemia muitos brasileiros têm adiado as viagens de lazer e turismo. Com isso, o setor teve um dos piores momentos entre março e junho de 2020. Ainda em isolamento e imposição de medidas de biossegurança, como está a procura dos mato-grossenses por viagens?

No Estado, segundo o presidente do Sindicato das Empresas de Turismo de Mato Grosso, Omar Canavarros, o setor vive uma “leve melhora”, mas com números muito aquém de 2019, o pré-pandemia.

Observou-se, porém, um aumento na procura por destino dentro do próprio Estado. A exemplo: o Lago do Manso, Jaciara, municípios do Norte e Chapada dos Guimarães. “Temos destinos que já estão lotados para todo o mês de julho”, comenta Omar.

Apesar do momento oportuno para viajar, vide as férias escolares, o leve aumento na procura não têm relação com a data. “Com as aulas remotas, as escolas tiveram férias em períodos diferentes – algumas em junho, outras agora em julho. Por isso, não dá para dizer que essa melhora tenha influência desse período”, afirma.

A rede estadual tem aulas até 16 de julho e retornam as atividades em 3 agosto. Em Cuiabá, as férias na rede municipal vão de 12 a 23 de julho.

Luz no fim do túnel

Para o fim de ano, contudo, a expectativa é de melhora e de que “haja uma luz no fim do túnel”.

Segundo o Banco Central, o saldo na poupança atingiu o maior número desde 1995. Pela primeira vez, são mais de R$ 1 trilhão guardados. É que o brasileiro tem poupado o dinheiro do cancelamento ou adiamento de viagens atingidas diretamente pela pandemia.

Com o avanço da vacinação, a procura por destinos como o Nordeste brasileiro já é grande, tendo em vista a vontade represada do brasileiro em viajar.

“O que se comenta é que, a partir de outubro, não haverá mais vagas para os destinos mais tradicionais nas festas de fim de ano e Ano Novo”, completa Omar.

LEIA TAMBÉM

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorRota Final: Justiça manda bloquear R$ 9 milhões de Dal Bosco e Satélite
Próximo artigoMulher sofre tentativa de estupro do vizinho e ainda apanha da mulher dele