Vídeo | Onça pintada é resgatada de helicóptero após incêndio no Pantanal

Bombeiros afirmam que animal fugiu do fogo durante horas antes de ser resgatado

(Foto: William Gomes/Secom UFMT)

Uma onça pintada foi resgatada de helicóptero pelos bombeiros durante trabalho de controle de fogo na região do Pantanal em Poconé (100 km de Cuiabá), na tarde dessa segunda-feira (17). O animal foi levado para o hospital veterinário da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT).  

Conforme o tenente-coronel Flávio Gledson Bezerra, chefe da operação de resgate na Operação Pantanal II, o bicho fugiu do fogo durante horas antes do resgate – e chegou a invadir propriedades da região pantaneira. 

O resgate foi possível por causa da debilidade da onça, causada pela fumaça e fogo. Ela foi anestesiada e trazida de helicóptero para o Hospital Veterinário da UFMT em Cuiabá. A aeronave pousou no Centro de Treinamento (COT) da UFMT (veja vídeo).

“Foi necessário fazer o transporte aéreo da onça por causa do pouco tempo que tínhamos, do efeito da sedação. A equipe de médicos veterinários da UFMT constatou que o animal realmente estava muito debilitado e ele passaria por exames”, disse. 

Conforme o tenente-coronel, os bombeiros já tiveram relatos de pessoas que viram capivaras e jacarés tentando fugir das queimadas no Pantanal nos últimos dias. O caso da onça foi o primeiro a precisar de resgate. 

Conforme a Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), a onça pintada é uma fêmea de aproximadamente 70 quilos.  Ela tinha sinais de queimaduras nas quatro patas. 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorQueimadas no Pantanal ameaçam santuário das araras azuis
Próximo artigoBarranco pede licença