Mais de meia tonelada de armadilhas para peixe são retiradas do Rio Cuiabá

Operação foi realizada entre os dias 15 e 18 de abril, no trecho do rio entre Santo Antônio do Leverger e Barão de Melgaço

(Foto: Sema-MT)

Equipes de fiscalização da Sema retiraram  mais de meia tonelada de cevas fixas utilizadas para a prática de pesca predatória no Rio Cuiabá. A operação foi realizada entre os dias 15 e 18 de abril, no trecho do rio entre Santo Antônio do Leverger e Barão de Melgaço.

Um tipo de armadilha, as cevas fixas são galões fixados no rio por pesos. Para atrair os peixes são amarrados sacos contendo milho e soja.

A lei proíbe o uso deste equipamento. Os galões também prejudicam a navegação e podem causar acidentes com embarcações e poluem o rio. Alguns exemplares de pescado foram encontrados nas armadilhas e soltos no rio.

Denúncias

Ao se deparar com crimes ambientais, o cidadão pode fazer denúncias pelo 0800 65 3838 ou via aplicativo MT Cidadão (disponível para IOS e Android).

LEIA TAMBÉM

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorTJMT tira tornozeleira de empresário acusado de matar dois por discussão sobre CNH
Próximo artigoAções do Gefron no fim de semana causam prejuízo de R$ 1,5 milhão a criminosos