|sábado, 21 abril 2018
Elói Pereira Duarte foi encontrado morto. Foto: Arquivo pessoal)

Após denunciar abate clandestino, pecuarista é encontrado morto

COMPARTILHE COMPARTILHE

Cinco dias após denunciar um abate clandestino de gado, o pecuarista Elói Pereira Duarte, de 77 anos, foi encontrado morto, na madrugada desde domingo (15), amarrando em uma árvore nos fundos de sua fazenda, localizada em Poxoréu, a 259 km de Cuiabá.

Segundo informações do G1, a polícia trabalha com a hipótese de que Elói tenha flagrado o abate no local e acabou sendo executado. A suspeita é a de que os criminosos tenham usado um pedaço de madeira para matá-lo, uma vez que possuía vários golpes na cabeça.

Na última terça-feira (10), o pecuarista chegou a registrar boletim de ocorrência na polícia, denunciando a prática de abate clandestino, que teria se tornado frequente na sua propriedade.

Foram encontradas latas de cerveja no local, a partir das quais a polícia deve colher impressões digitais que poderão auxiliar nas investigações.

A Polícia Civil deve abrir inquérito para apurar o caso na próxima segunda-feira (16), com previsão de que seja concluído em 30 dias, podendo ser prorrogado por mais 30 dias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

DESTAQUES

Comerciante reage a assalto, tira arma de bandido, mata um e fere outro

Terceira mulher é estuprada próximo à Unemat de Sinop

Clarice Lispector e irmã escreviam manuais para “amansar” empregadas, relembra pesquisadora da UFMT

Família pede doação de sangue para o músico Bolinha

Juiz autoriza confisco de bens em cobertura dos Malouf por receio de calote

X