Xuxu e o pedido de cassação

MPF acusa Xuxu de usar espaço que pertence ao Poder Público para fazer campanha eleitoral

Reprodução/Facebook

O Ministério Público Federal (MPF), por meio da Procuradoria Regional Eleitoral em Mato Grosso, pediu à Justiça Eleitoral a cassação do registro de candidatura do recém-eleito deputado estadual Xuxu Dal Molin (PSC).

No pedido, do qual o site Folha Max teve acesso, o Ministério Público Federal acusa Xuxu de usar um espaço que pertence ao Poder Público para fazer campanha eleitoral.

O MPF apresentou um vídeo do qual o recém-eleito aparece em uma garagem municipal de Sorriso. O fato teria ocorrido dia 4 de setembro e ele se apresentava como candidato, dizia seu número na urna eletrônica e pedia que as pessoas votassem nele.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorLewandowski concede prisão domiciliar a mães presas por tráfico
Próximo artigoTemporada de cruzeiros marítimos injetará mais de R$ 2 bi na economia

O LIVRE ADS