Voos para Sorriso devem ser retomados após adequações em aeroporto

Aeroporto deve passar por adequações para continuar recebendo voos da Azul

André Romeu/Gcom

A Azul Linhas Aéreas deve retomar os atendimentos na cidade na cidade de Sorriso (420 km de Cuiabá). Para que os voos sejam retomados com segurança serão feitas obras de recuperação na pista, já que o constante uso desgastou a área de pouso e decolagem e ela já não atendia mais os padrões de segurança da empresa.

Na última quinta-feira (06) o deputado estadual Xuxu Dal Molin (PSC) se reuniu com executivos da Empresa Azul Linhas Aéreas, na cidade de Sorriso, para definir a viabilidade dos voos, condições de pousos e decolagens na cidade.  A avaliação preliminar aponta a necessidade de adequações de seguranças e recuperação da pista de pouso e decolagens.

Em entrevista, o parlamentar lembrou que a Azul tem interesse em retomar as operações na cidade, mas que os problemas técnicos precisam ser resolvidos. “Agradeço a diretoria da Azul, é muito responsável, respeita Sorriso, a empresa está tratando toda essa situação de forma muito transparente e correta. Neste momento, o impedimento dos voos está na questão técnica, envolvendo a segurança das operações”, disse Xuxu.

Perguntado sobre o aeroporto de Sinop, se porventura poderia representar um desinteresse da Azul em retomar as operações em Sorriso, o deputado Xuxu disse que não há preocupação neste sentido. “Nós temos que tratar os dois aeroportos como regionais. O aeroporto de Sinop atende uma demanda diferente, vários municípios mais ao norte. Dificilmente Sinop atenderia Ipiranga, Intanhangá, Tapurah, Nova Ubiratã, Nova Mutum e Lucas do Rio Verde. Então, são regiões distintas, existe um mercado para as duas regiões em franco desenvolvimento econômico. A Azul já informou que há interesse em atender ambas as regiões”, disse o parlamentar.

(Com assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

1 COMENTÁRIO

  1. Dentro de 4 anos o problema retornará ou os administradores se adiantam no processo de manutenção, porque só aeródromos, sem voos comerciais ou com aeronaves pesadas, têm pistas de asfalto, mesmo assim, é necessário cuidado especial a cada 4 ou 5 anos. Aeroportos são construídos com pistas de pouso de Cimento Portland com a primeira manutenção após 21 anos de uso. Mas, estamos no Brasil….tudo pode. Saudações,

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorChefe da Warner admite “inveja” da Disney mas diz ter estratégia para superá-la
Próximo artigoLava Jato: OAB se diz “perplexa” com invasão e recomenda que envolvidos sejam afastados