Violência em Cuiabá: mulher grita por socorro, luta com estuprador e consegue se salvar

Ele entrou na casa dizendo: "você está sozinha, né?", mas ela lutou e conseguiu impedir o estupro

Imagem ilustrativa (Foto: Reprodução)

Uma mulher de 23 anos conseguiu se salvar de um estupro dentro de sua própria casa, no Bairro CPA IV, em Cuiabá, no início da madrugada desta sexta-feira (26), lutando contra o estuprador e gritando por socorro.

Conforme o boletim de ocorrência, a vítima estava dormindo quando ouviu um barulho e pegou o celular para ver as horas, pois achou que era o marido chegando do trabalho.

Logo em seguida, ela foi surpreendida por um homem estranho em seu quarto, que rapidamente se aproximou, a segurou pelos braços e ficou repetindo: “você está sozinha, né?”

A vítima começou a gritar por socorro e começou a lutar com o suspeito até conseguir se desvencilhar dele, que acabou fugindo correndo.

Ela ligou para o tio, que foi até a casa dela de motocicleta e encontrou o suspeito ainda correndo. Com a ajuda de vizinhos, o tio da vítima deteve o suspeito até a chegada da polícia.

A vítima ficou com o braço machucado devido à luta com o suspeito e precisou ser encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Morada do Ouro, onde foi constatado que ela sofreu uma luxação.

O suspeito ficou com algumas lesões no rosto causadas pelo momento da detenção dos moradores. Ele foi levado para o Plantão de Atendimento à Vítima de Violência Doméstica, Familiar e Sexual, onde o caso foi registrado como ameaça, lesão corporal e tentativa de estupro.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCom o avanço da vacinação contra a covid-19 aumenta a procura por academias em Cuiabá
Próximo artigoSérgio Reis é internado no hospital Albert Einstein