Vereador de Cuiabá quer proibir exposições artísticas com teor pornográfico

O texto versa da proibição apenas nos espaços públicos

Foto de Luis Alves

O vereador Marcelo Bussiki (PSB) apresentou um projeto de lei para proibir exposições artísticas ou culturais com teor pornográfico ou ultraje a símbolos religiosos.

Ele se inspirou pelo episódio da exposição Queermuseu, cercada de polêmica que tomou as redes sociais em setembro de 2018 e que teve que ser encerrada às pressas, por conta dos críticos que viram apologia à homossexualidade e blasfêmia.

Segundo o vereador, ele estaria se adiantando, querendo evitar que Cuiabá sedie uma exposição nesses moldes. O texto versa da proibição apenas nos espaços públicos. Nos particulares, será permitido. No entanto, haverá necessidade de informar ao espectador, e afixar em local visível, a classificação indicativa da exposição.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorJustiça mantém prisão e diretor da PCE vai para o CCC
Próximo artigoFazendo a cabeça na FPA

O LIVRE ADS