Várzea Grande mantém estado de emergência até 31 de dezembro

Dentre as medidas que continuam está a manutenção das aulas em sistema híbrido

(Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

A Prefeitura de Várzea Grande emitiu um novo decreto estendendo até 31 de dezembro o estado de emergência por conta da pandemia da covid-19. O documento foi divulgado nessa sexta-feira (8).

Nesse sentido, a gestão decidiu ainda manter o ensino público na cidade em modalidade híbrida. Conforme esse sistema, apenas 50% dos alunos deve estar presente nas salas de aula, em dias alternados.

Sílvio Fidelis, secretario municipal de Educação e presidente do Comitê de Enfrentamento à Covid-19 de Várzea Grande, pontua que se os números da pandemia se mantiverem em queda, o ano letivo de 2022, a partir de fevereiro, poderá ser 100% presencial.

Comércio

Nas novas determinações, o prefeito Kalil Baracat flexibilizou os horarios de funcionamento do comércio e dos estabelecimentos noturnos, que podem permanecer abertos até às 3h da manhã. Porém, a capacidade de público foi mantida em 70%.

No setor público, cabe aos gestores definirem sobre o retorno gradativo ou definitivo dos servidores. Deve ser feita ainda a análise de caso a caso com relação às comorbidades e manutenção em trabalho remoto.

A Prefeitura destaca que devem ser observadas as medidas de biossegurança, como o uso de máscaras e e álcool em gel.

LEIA TAMBÉM

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCPI da Rota do Oeste
Próximo artigoBrasil e Argentina fecham acordo para cortar tarifa do Mercosul em 10%