Vaquinha pra campanha

PV assume a dívida da campanha de 2020 e vai apelar para doações de simpatizantes para pagar R$ 2,8 milhões

Foto: Ednilson Aguiar/O Livre

O Partido Verde (PV) assumiu a dívida de campanha do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), mesmo sem lastro financeiro para quitar os R$ 2,8 milhões que faltam. A declaração é do vice-prefeito Roberto Stopa (foto acima). 

A transferência de dívida se deve à participação do PV na chapa em que Pinheiro foi reeleito em novembro do ano passado e, especificamente, à posição de destaque do PV, que busca mais cargo no staff. 

Mas o partido não tem nenhum representante de Mato Grosso na Câmara Federal, apesar de ter sua cota de bancada, o que retira os diretórios daqui do topo da lista dos fundos de financiamento. 

Conforme Stopa, o apelo vai para as vaquinhas, online ou não, para em quatro anos o PV conseguir angariar R$ 2,8 milhões. A situação tira o peso da permanência do Pinheiro no MDB, onde o clima não está favorável a ele ultimamente. 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorHomem investigado por abuso sexual contra filhas adolescentes é preso em MT
Próximo artigoPolicial chega em comércio em meio a assalto, reage e acerta tiro em ladrão