Vacina contra a covid: Cuiabá reduz intervalo para dose de reforço de 6 para 4 meses

Quem já tomou as duas doses da vacina e completou o intervalo já pode comparecer a qualquer polo de vacinação

(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre )

A Prefeitura de Cuiabá reduziu de 6 para 4 meses o intervalo entre a segunda e a dose de reforço da vacina contra a covid-19. Com a medida, a partir desta uarta-feira (15), quem tem idade entre 18 e 59 anos e já completou o intervalo, pode comparecer a qualquer polo de vacinação.

“Estamos acatando uma decisão do Estado, já que muitos municípios têm doses em estoque”, diz Valéria de Oliveira, coordenadora da campanha de vacinação na Capital.

Quem vai tomar a dose de reforço precisa levar o cartão de vacinação.

Segunda dose da Janssen

A dose de reforço só não está liberada ainda para quem foi vacinado com o imunizante da Janssen. Estas pessoas, segundo orientação do Ministério da Saúde, precisam primeiro tomar uma segunda dose da mesma vacina.

Conforme a Prefeitura, um pedido por mais doses da Janssen já foi feito, mas o Município ainda espera a chegada do produto para dar início às aplicações.

A coordenadora da campanha também lembra que quem está com a segunda dose atrasada, precisa completar o esquema vacinal.

“Quem tomou a primeira dose de Pfizer ou Astrazeneca, pode tomar a segunda depois de 56 dias. Quem tomou a primeira de Coronavac, pode tomar a segunda após 21 dias. Pessoas acima de 12 anos que ainda não tomaram nenhuma dose, devem fazer o cadastro no site Vacina Cuiabá e comparecer a qualquer polo e se vacinar o quanto antes”, ela reforça.

(Com Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorGrampos ilegais: delegada diz que afastamento de servidor mantém integridade de investigação
Próximo artigoRondonópolis recebe R$ 1,04 milhão para continuidade de obras de saneamento