Transparência no SUS

Ministério Público acionou o Estado na Justiça por descumprimento da lei que estabelece o Plano de Regulação do SUS

O Ministério Público do Estado (MPE) pediu à Justiça que obrigue o governo de Mato Grosso a divulgar informações sobre a situação de serviços na rede estadual do Sistema Único de Saúde (SUS). 

O procurador-geral José Antônio Borges Pereira assinou uma ação direta de inconstitucionalidade (ADI) contra o Estado por não executar a Lei 10.783/18, que estabelece a Política Estadual de Regulação do SUS. 

O MP cobra que seja dada transparência a informações como o número de leitos ocupados e livres nas unidades de saúde, hospitais e unidades de terapia intensiva (UTIs) credenciadas no SUS.  

A informação de recurso à Justiça foi divulgada nessa segunda-feira (7). No dia 21 de maio, o MP notificou o Estado para atualizar a situação, mas não houve retorno. 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorTio tenta estuprar sobrinha de 12 anos e foge quando vítima começa a chorar
Próximo artigoBandidos se passam por policiais, sequestram e roubam quase R$ 6 mil de vítima