Teto de R$ 35 mil

AL aprova novos salários aos defensores públicos de Mato Grosso

Com 20 votos favoráveis e quatro ausências, a Assembleia Legislativa aprovou em caráter definitivo, na manhã de quarta-feira (12), o projeto de lei complementar 16/2021 que adequa os salários dos defensores públicos de Mato Grosso.

A lei estipula que os salários dos membros da Defensoria Pública serão fixados a partir do cargo de Defensor Público de segunda instância, com diferença de 10% de uma para outra classe, até o cargo de defensor público de primeira entrância.

O salário dos defensores públicos que atuam exclusivamente nos processos perante o Tribunal de Justiça será reajustado para R$ 35,4 mil. Já o salário daqueles pertencentes à classe especial será de R$ 31,9 mil.

Os defensores públicos de terceira e segunda classe receberão, respectivamente, R$ 28,7 mil e R$ 25,8 mil respectivamente. O vencimento da categoria de primeira classe, que é a fase inicial dos recém-aprovados em concursos públicos, será de R$ 23.266.

Esses valores são pagos desde 2019. Com a aprovação dos deputados, é feita uma adequação legislativa que agora vai à sanção do governador Mauro Mendes (DEM).

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorVai cumprir
Próximo artigoGaeco e Naco deflagram operação em Cuiabá e Sinop; deputado e ex-deputado são alvos