|terça, 22 maio 2018

    Temer pede estudos para reduzir preço do gás de cozinha para baixa renda

    COMPARTILHECOMPARTILHE

    Reprodução / AFP

    Michel Temer

    O Palácio do Planalto informou que o presidente Michel Temer pediu à área técnica do governo a realização de estudos que permitam redução no preço do gás de cozinha para beneficiar famílias de baixa renda. Mais cedo, o próprio presidente, em entrevista à Rádio Guaíba, se queixou da elevação dos preços no gás de cozinha e avisou que seu governo está “examinando uma fórmula para compensar este aumento para os mais pobres”, acrescentando que a medida será adotada logo.

    Esta preocupação do presidente foi um dos temas da conversa, no final da manhã desta sexta-feira, de Temer com os ministros da Fazenda, Henrique Meirelles, e do Desenvolvimento Social, Osmar Terra.

    Embora o modelo, que poderá ser adotado já no mês que vem, não passe por subsídio ao preço do botijão de 13 kg, uma das ideias é introduzir este valor no Bolsa Família. Seria uma forma de elevar o valor do benefício, que já estava sendo estudado pelo governo, só que direcionado para o gás de cozinha. O governo informou ainda que não pensa em adotar medidas como vale gás ou uma redução para todos os consumidores.

    Na reunião, Temer manifestou também a sua preocupação com o aumento exagerado no preço do litro da gasolina em todo o País. O presidente avisou que determinou ao Conselho de Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e à Polícia Federal que investigue o cartel em postos de gasolina.

    Na entrevista à rádio, o presidente anunciou que vai colocar a Polícia Federal e o Cade para fiscalizar e “impedir esta agressão ao consumidor”. Disse ainda que “não vai permitir preços abusivos”. O presidente, depois de lembrar que o Brasil adotou o critério de alterar o preço dos combustíveis, de acordo com a variação do preço internacional do petróleo, reclamou que houve aumentos exagerados e que, “quando tem aumento, os preços nas bombas aumentam, mas quando tem redução, o mesmo não acontece”. Por isso, advertiu, que serão feitas fiscalizações para evitar os abusos.

    (Com Agência Estado)

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your name here
    Please enter your comment!

    DESTAQUES

    Policiais se revoltam ao prender “Pateta” andando de BMW

    Jovem é presa ao tentar entrar em presídio com 34 trouxas de maconha nas...

    Presas com drogas, jovens posam sorrindo para foto em delegacia

    Mistério em festival de rock em Cuiabá: o que 30 mil pessoas vão ouvir...

    Idoso é preso e uma das acusações é o roubo de sua própria motocicleta

    X