Teatro da UFMT terá música e exposição nesta quarta e quinta

O evento “Cuiabá Tricentenária” abre a temporada de ações culturais da instituição com coral, orquestra, geladeiroteca e mais, a partir das 19h

A temporada 2018 de ações culturais da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), tem início nesta quarta e quinta-feira, 18 e 19, com programação gratuita que irá contemplar apresentações musicais, exposições e ações literárias. Os ingressos que garantem presença nas atrações já estão sendo distribuídos na bilheteria do Teatro Universitário.

Com mote nos 300 anos da cidade, o evento “Cuiabá Tricentenária”, acontece no Foyer do TU. Em ambos os dias, as atividades começam às 19h, no Foyer do Teatro Universitário, com a apresentação da Orquestra Cuiabana de Choro, que integra o programa de Extensão “UFMT com a Corda Toda”.

Simultaneamente, acontecem duas exposições: acervo digitalizado do Museu de Arte e de Cultura Popular (MACP) e do Patrimônio Imaterial Mato-grossense (Expoimat), em parceria com o Museu Rondon de Etnologia e Arqueologia (Musear) e alusiva ao Dia do Índio.

Um “Mundo Paralelo” também marca presença com estímulo à literatura. Desenvolvida pelo MACP com estudantes da UFMT, a ação consiste em um espaço interativo de estímulo à leitura – uma geladeira com livros disposta no local para a troca e doação de obras.


Especialmente nesta quarta-feira (18), às 20h, o Coral da UFMT, o Coral Infantojuvenil e da Terceira Idade, apresentam o concerto de abertura da temporada, juntamente com o programa “UFMT com a Corda Toda”, o projeto [re]Percute UFMT e o Cineclube Coxiponés.

Com projeção de imagens na tela em interação com as performances, a apresentação será diversificada, com músicas do repertório popular e clássico, passando por ritmos africanos.

Já na quinta-feira (19), é a vez da Orquestra da UFMT abrir os trabalhos para o ano de 2018, às 20h, com repertório voltado para a música erudita, com peças de Mozart, Schubert e Dvórak.

O destaque da apresentação é o “Concerto para Dois Violinos de Bach”, com os solistas Oliver Yatsugafu, professor do Departamento de Artes da UFMT e coordenador do programa “UFMT com a Corda Toda”, e o spalla da Orquestra, Yllen Almeida, egresso da Instituição e com formação internacional.

O evento é coordenado pelas unidades que integram a Pró-Reitoria de Cultura, Extensão e Vivência (Procev), composta por Coral, Orquestra, Teatro, Cineclube Coxiponés e os projetos de Extensão.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorVereadores vão passar necessidades
Próximo artigoQuadro de saúde de Maluf permanece inalterado, diz hospital