TCE aprova contas de VG

Saúde e Educação ultrapassaram percentual obrigatório

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

As contas da Prefeitura Municipal de Várzea Grande foram aprovadas por unanimidade pelo Tribunal de Contas do Estado. Em um tempo em que a contabilidade está tirando o sono de muitos gestores, a prefeita Lucimar Sacre de Campos conseguiu um feito.

Conforme os conselheiros, os números mostram que a Lei de Responsabilidade Fiscal foi respeitada no que diz respeito aos gastos com servidor público e ainda que os percentuais obrigatórios com saúde e educação foram cumpridos.

Enquanto a Constituição Federal prevê o investimento de 25% na Educação, a prefeitura investiu 38,85%. Com relação à Saúde, o obrigatório é 15%, contudo a gestão aplicou 26,58%.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorRumor aponta que sequência de Spider-Man para PS4 chega no final de 2021
Próximo artigoExtinção de municípios não é “ponto de honra”, diz Bolsonaro